Inicio | | Viagens | | Voltinhas | | Manutenção | | TUGATECH | | História da XT |  VELA 

quinta-feira

Termómetro

Termómetro para a temperatura ambiente...
a sua utilidade pode ser questionável...

A necessidade deste extra nasceu durante a 3ª edição dos Eskimós...

Eu estava a caminho da Torre da serra da Estrela, debaixo de um nevoeiro do caraças.
O clima era adverso mas as estradas estavam abertas ao transito, e a determinada altura cruzei-me com duas motas que estavam a fazer inversão de marcha...

Nessa mesma noite vim a saber que eles tinha dado meia volta, porque tinham indicação há algum tempo de formação de gelo na estrada, e não quiseram arriscar mais...


Eu continuei ingenuamente... e aos 1900 e poucos metros encontrei a estrada coberta de gelo... formado por um vento muito forte com nevoeiro...
Nessa altura não tive sorte nem azar... apenas uma grande trabalheira para fugir dali, e foi por muito pouco que não andei a fazer patinagem artística com a XT

A lição que tirei desse dia foi muito simples...
tenho que arranjar um termómetro para por na XT... 

Comprei um termómetro por 1€ 
e coloquei-o numa zona abrigada e visível, fixo com uma braçadeira de plástico...





ATENÇÃO que o termómetro não toma decisões, nem pode ser visto como um anjo da guarda...

Já encontrei estradas com gelo, onde havia  temperaturas de 5ºc ou mais
...

Há sempre vários factores a termos em conta,

- o vento pode fazer cair a temperatura em apenas determinados sitios,

- e as sobras podem conservar a temperatura da noite anterior, e fazer um micro clima.





Uma boa dose de bom senso... 
é melhor que todos os termómetros do mundo...